Portfólio de Negócios

INFRAESTRUTURA

O mercado de gás e energia está em transição, com aumento de oferta e mais competitividade, oferecendo diversas oportunidades de investimento em infraestrutura. No setor de gás natural, as descobertas no pré-sal permitirão que a produção nacional dobre de volume nos próximos dez anos. O gás natural é o mais limpo entre todos os combustíveis fósseis e sua utilização é vital para uma matriz energética de baixo carbono. Hoje, o gás responde por apenas 10% da matriz energética nacional. A ampliação dessa participação só será possível com investimentos em mais rotas de escoamento que tragam o insumo dos campos do pré-sal para o continente. Complementarmente, existem oportunidades de investimento em terminais de regaseificação do GNL (gás natural liquefeito), que é importado das principais regiões produtoras do mundo e transportado em navios.

 

 

DISTRIBUIÇÃO

A Compass já conta com a maior companhia de gás encanado do Brasil em seu portfólio, a Comgás. A empresa não é líder por acaso. Tem uma base sólida de clientes e ano após ano apresenta resultados consistentes, com um plano robusto de crescimento.

A Comgás trabalha de forma ininterrupta para atender mais de 2 milhões de clientes em sua área de concessão, que compreende a Região Metropolitana de São Paulo, a Área Administrativa de Campinas, a Baixada Santista e o Vale do Paraíba. Esta área corresponde a 0,63% do território nacional e concentra 30% do PIB. Com mais de 18 mil quilômetros de rede de distribuição em 88 municípios, a empresa leva gás natural aos segmentos industrial, comercial, residencial e automotivo. Além disso, abastece usinas termelétricas e viabiliza projetos de cogeração. Mais que uma distribuidora de gás natural, a Comgás é uma empresa voltada para o desenvolvimento de serviços e soluções com foco no cliente.

 

GERAÇÃO

É fundamental para o Brasil aumentar a presença do gás natural na sua matriz energética, e o pré-sal tem o potencial de oferecer esta matéria-prima de forma abundante e competitiva.

Além disso, o setor energético brasileiro vive uma profunda transformação, tornando-se cada vez mais diversificado e complexo. Com a limitação do crescimento da oferta de energia gerada pelas hidrelétricas, o País tem investindo cada vez mais em outras fontes, uma tendência que deverá se manter nos próximos anos. A demanda por mais energia segue crescendo e a geração termelétrica a gás natural se mostra uma fonte complementar e de base para as renováveis, assegurando o abastecimento e contribuindo com o crescimento do País.

 

 

COMERCIALIZAÇÃO

Os grandes consumidores precisam cada vez mais de soluções sob medida de gás natural e energia para desenvolver os seus negócios. Em 2019, 30% da energia elétrica consumida no país foi comercializada no ambiente livre de contratação, um crescimento de 25% em relação ao volume vendido nesta mesma modalidade quatro anos antes. Em breve o gás natural também deverá ter um espaço importante no mercado livre brasileiro. E a Compass, que já conta com expertise reconhecida na área de trading de energia elétrica, agora aliada ao conhecimento da Comgás e sua base de consumidores, atuará neste novo cenário no qual grandes clientes negociam diretamente seu suprimento, avaliando preços, volumes e prazos para encontrar as melhores opções.

 

Última atualização: 8 setembro, 2020

Fechar